Press "Enter" to skip to content

Eu bebo água da torneia, tu também devias.

Sabias que a cidade de Vila Nova de Gaia ganhou em 2017 o prémio de “Qualidade exemplar de água para consumo humano”?

Ainda existe o preconceito de que a água da torneira não é tão boa como a engarrafada, mesmo depois de receber este prémio e de ser publicado pela Entidade Reguladora dos Serviços de Água e Resíduos (ERSARR) que a água em Portugal Continental apresentava uma excelente qualidade. Para além de conveniente, 280 vezes mais barata que a engarrafada, é sustentável, ao contrário, da água engarrafada que tem um impacto ambiental negativo devido à sua produção, transporte e provisionamento.

Há portanto que alterar hábitos e atitutes.

Apresento algumas propostas:

1.      – Utilização de água da torneira em eventos públicos de grandes dimensões (espetáculos, concertos, eventos desportivos, políticos);

2.      – Colocação nas escolas e nos locais de trabalho de máquinas automáticas ligadas à rede de água;

3.      – Fontes de água em pontos estratégicos, como jardins e monumentos;

4.     – Incentivos aos restaurantes e cafés a servirem água da torneira;

5.      – Disponibilizar uma lista na Internet ou através duma aplicação, das localizações desses restaurantes, cafés e fontes de água gratuita e potável.